O Policiamento Comunitário ou de Proximidade é um tipo de policiamento que utiliza estratégias de aproximação, ação de presença, permanência, envolvimento e comprometimento com o local de trabalho e com as comunidades na preservação da ordem pública, da vida e do patrimônio das pessoas. A Confiança Mútua é o elo entre cidadão e policial, entre a comunidade e a força policial, entre a população e o Estado. O Comprometimento é a energia.

Esta estratégia de policiamento visa garantir o direito da população à segurança pública, mas, tendo em vista que confiança é essencial, o sucesso depende de policiais preparados, do apoio da sociedade organizada, das comunidades, de leis respeitadas e da interação entre poderes, instituições e órgãos envolvidos num Sistema de Justiça Criminal que exige finalidade pública, observância da supremacia do interesse público, valor à vida das pessoas, comprometimento, objetivo, coatividade, instrumentos de justiça ágeis, execução penal responsável e forças policiais bem formadas, respeitadas, valorizadas, especializadas, atuando no ciclo completo e capacitadas em efetivos para exercer função essencial à justiça na preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio.

terça-feira, 15 de março de 2011

PROJETO COMISSÃO DE SEGURANÇA, CIVISMO E CIDADANIA PARA ESCOLAS

1. DADOS PARTICULARES

1.1. Escola:
1.2. Endereço:
1.3. Telefones:
1.4. Diretora:
1.5. Fone:

2. OBJETIVOS

2.1. Geral - Fomentar o relacionamento, a cidadania, o civismo e a prevenção das drogas e da violência na comunidade escolar.

2.2. Específicos
2.2.1. Preparar, conscientizar e exercitar a cidadania e o civismo;
2.2.2. Preparar, conscientizar e mobilizar pela preservação da segurança pública;
2.2.3. Preparar e conscientizar sobre os malefícios das drogas lícitas e ilícitas;
2.2.4. Preparar e conscientizar sobre as relações interpessoais contra a violência;
2.2.5. Reivindicar ações educacionais, sociais e policiais permanentes e preventivas

3. JUSTIFICATIVA

O exercício da cidadania e do civismo, orientado para a defesa de direitos e obrigações e complementado pelo ensino, conscientizará e prepará a comunidade escolar, dentro e fora da escola, na prevenção de sinistros, violências e criminalidades.

4. PROPOSTAS

4.1. Promover Fórum de Palestras mensais - Visa educar a comunidade sobre temas que envolvam cidadania, sinistros, violência, drogas lícitas e ilícitas e segurança pública e privada.
4.1.1. Palestras sobre os aspectos da Violência nas Escolas
4.1.2. Palestras de medidas preventivas na Segurança Pública;
4.1.3. Palestras sobre o malefício das Drogas e Substâncias Entorpecentes;
4.1.4. Palestras sobre aspectos e efeitos da Voluntariedade e Solidariedade
4.1.5. Palestras sobre Direitos Humanos e Ambientais;
4.1.6. Palestras de orientação para conduta social e relacionamento interpessoal.

4.2. Mobilizar o Circulo de Pais e Mestres e Grêmio Estudantil para estimular a comunidade escolar a se organizar, detectar problemas e reivindicar segurança dentro e nas proximidades da Escola.
4.3. Criar o Comitê de Segurança, Civismo e Cidadania para organizar dentro do CPM e no Gremio, grupos para estudar, analisar, promover intercâmbios, mobilizar e propor soluções na prevenção às drogas e na segurança da Comunidade Escolar.
4.4. Agregar apoio para buscar apoio dos Poderes, Instituições e Organizações de todos os níveis, públicas e privadas, para os objetivos deste projeto.

5. CONCLUSÕES

5.1. O CPM deverá aprovar a criação do Comitê de Segurança, Civismo e Cidadania, liderar, fiscalizar e incentivar suas ações, e agregar esforços da comunidade escolar, entidades e órgãos públicos;
5.2. À Direção da Escola cabe a análise das propostas e o referendo das iniciativas do Comitê de Segurança e Cidadania;
5.3. Todas as palestras e iniciativas deverão ser oficializados pela Direção da Escola.

Nenhum comentário: