O Policiamento Comunitário ou de Proximidade é um tipo de policiamento que utiliza estratégias de aproximação, ação de presença, permanência, envolvimento e comprometimento com o local de trabalho e com as comunidades na preservação da ordem pública, da vida e do patrimônio das pessoas. A Confiança Mútua é o elo entre cidadão e policial, entre a comunidade e a força policial, entre a população e o Estado. O Comprometimento é a energia.

Esta estratégia de policiamento visa garantir o direito da população à segurança pública, mas, tendo em vista que confiança é essencial, o sucesso depende de policiais preparados, do apoio da sociedade organizada, das comunidades, de leis respeitadas e da interação entre poderes, instituições e órgãos envolvidos num Sistema de Justiça Criminal que exige finalidade pública, observância da supremacia do interesse público, valor à vida das pessoas, comprometimento, objetivo, coatividade, instrumentos de justiça ágeis, execução penal responsável e forças policiais bem formadas, respeitadas, valorizadas, especializadas, atuando no ciclo completo e capacitadas em efetivos para exercer função essencial à justiça na preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio.

sábado, 10 de novembro de 2012

GERAÇÃO CONSCIENTE

09/11/2012

Prefeitura de Canoas | canoas.rs.gov.br

Projeto Geração Consciente forma 48 jovens


Na tarde de quinta-feira, 8, no auditório do Centro Universitário Ritter dos Reis (Uniritter), aconteceu a formatura de 48 alunos do projeto Geração Consciente, integrante das políticas da Secretaria de Segurança Pública e Cidadania (SMSPC) e Procon Canoa, desenvolvido nos Territórios de Paz Guajuviras e Grande Mathias Velho e Harmonia em parceria com a Uniritter.

O Projeto Geração Consciente, que forma educadores populares em Direitos do Consumidor e outras disciplinas. O Secretário Municipal de Segurança Pública e Cidadania, Eduardo Pazinato falou aos jovens destacando a importância desta iniciativa para suas vidas em seu currículo profissional, e o Diretor do Procon Canoas, Fábio Bueno, explanou sobre as novas perspectivas de ações comunitárias.

A Uniritter esteve representada pela Sra. Luana Braga, e a equipe de Educadores populares e bolsistas, pela coodenadora jurídica do projeto, a Advogada Mariza Iracet. A organização do evento ficou por conta da Diretoria de Projetos/SMSPC, a cargo do Diretor Álex Brandão e Patrícia Fernandes.

No total foram formados 48 jovens em três turmas, sendo uma no Guajuviras e duas na Mathias Velho. Os jovens possuem idades entre 15 e 24 anos, e durante 03 meses, construíram em conjunto com os educadores, pelo método Freireano da Educação Popular conhecimentos como Consumismo, Gênero, Consumo Consciente, Consumo Sustentável, e ainda oficinas práticas em que os jovens acompanhando o Departamento de Fiscalização do PROCON Canoas visitaram os comércios locais, realizando atividades de averiguação educativa em produtos e serviços, aplicando conceitos teóricos aprendidos na prática.

Apoiadores

O certificado do curso é concedido pela Uniritter e Prefeitura de Canoas, parceiras no projeto, que é financiado pelo Fundo Municipal de Defesa do Consumidor, aprovado pelo Conselho Municipal, apoiadores do projeto, em que a verba é oriunda da aplicação de sanções aos fornecedores infratores.

O projeto prossegue, atualmente com mais três turmas, sendo uma no bairro Mathias Velho, com aulas ministradas pela Escola Comunitária Santa Cruz, e duas turmas na Guajuviras, sendo uma na Casa das Juventudes e outra turma está sendo formada, em parceria com Escola da rede municipal. A formatura das próximas turmas está prevista para o dia 19 de dezembro de 2012.

Crédito da notícia: Clever Larsen

Nenhum comentário: